Golpes de namoro online: o que observar

Mesmo que você proteja cuidadosamente sua segurança ao usar aplicativos de relacionamento — seja usando um pseudônimo ou baixando uma VPN — você ainda enfrentará um risco crescente no namoro online: o golpista do romance.

Em 2022, o documentário da Netflix: O Impostor do Tinder, incendiou as mídias sociais. O filme conta a história do vigarista israelense Simon Leviev (nome verdadeiro Shimon Hayut), que fraudou mais de 10 milhões de dólares de diversas mulheres. Simon usou o Tinder e se fez passar por um magnata dos diamantes.

A história de Simon e três de suas vítimas foi tão chocante e cativante que o programa se tornou o único documentário original da Netflix a alcançar o top 10 em 92 países em 2022.

E, embora o enredo de O Impostor do Tinder se concentre principalmente no comportamento traiçoeiro e nas táticas de fraude de Simon, ele também traz à tona duas outras questões importantes:

  1. Como é difícil identificar um golpista do romance (todas as vítimas de Simon disseram não ter percebido os sinais até que já tinham perdido muito dinheiro).
  2. A situação difícil pela qual as vítimas têm de passar para tentar recuperar seu dinheiro e segurança.

Pensando nesse risco crescente, preparamos algumas dicas de segurança e privacidade para sua proteção. Estes são os golpes de amor para se tomar cuidado, as formas de se identificar um golpista de falso romance e o que você pode fazer se for uma vítima.

O que são os golpes de namoro online?

Os golpes de namoro online, ou golpes do romance ou falso romance, geralmente envolvem a adoção de uma identidade falsa por um impostor em uma plataforma de namoro ou aplicativo de relacionamento e a simulação de interesse em suas vítimas para enganá-las (um fenômeno também conhecido como “catfishing“). Após ganhar a confiança de seu suposto interesse romântico — muitas vezes através de declarações de amor — o golpista pede ajuda financeira ou pede fotos íntimas da vítima que mais tarde podem ser usadas para chantageá-las.

Como evitar golpes do romance

Os golpistas são inovadores e convincentes com suas táticas, por isso pode ser difícil saber se a pessoa com quem você está falando em um aplicativo está procurando amor ou se quer enganar você.

Clique no slideshow abaixo para ver sinais comuns de que a pessoa com quem você está falando é um impostor:

Os golpes do falso romance estão em ascensão

O namoro online tem se tornado cada vez mais popular, graças ao surgimento de aplicativos de relacionamento como Tinder, Bumble e Happn, e essa tendência deve continuar.

De acordo com Statista, cerca de 51 milhões de americanos estão inscritos em serviços de encontros online, o que deve aumentar para 53,3 milhões até 2025.

Este número é corroborado por estatísticas globais que estimam que mais de 300 milhões de pessoas ao redor do mundo usam aplicativos de relacionamento em 2021.

Quando se trata da popularidade dos aplicativos que as pessoas usam para encontrar romance, a Business of Apps descobriu que o Tinder é o maior dos Estados Unidos seguido do Bumble, Plenty of Fish e Hinge, respectivamente.

Mundialmente, o Tinder mantém seu reinado como o aplicativo de relacionamento mais popular, seguido pelo app Badoo, com sede no Reino Unido. Bumble, que originalmente era comercializado como uma aplicação amiga das mulheres e Tantan, com sede na China, vêm em seguida.

Não é nenhuma surpresa que eventos especiais, como o Dia dos Namorados, o Carnaval e férias de verão, gerem um ligeiro aumento na demanda por aplicativos de namoro. À medida que mais pessoas se registram em sites de namoro para encontrar romance, mais golpistas também se registram. Em uma pesquisa realizada pela empresa de cibersegurança ESET, 52% dos entrevistados disseram que a solidão do Dia dos Namorados os torna vulneráveis aos catfishers.

De fato, de acordo com um relatório sobre fraudes românticas divulgado pela Federal Trade Comission (FTC) dos E.U.A., estima-se que 547 milhões de dólares foram perdidos para golpistas do romance em 2021 um aumento de 80% em comparação com o ano anterior e um número que só deverá aumentar à medida que mais usuários se cadastrem em sites de relacionamento online.

Os diferentes tipos de golpes de namoro online a serem observados

Os golpistas se aproveitam, principalmente, das pessoas que procuram parceiros românticos e relacionamentos de longo prazo. Com os impostores em ascensão, estas são algumas das fraudes de falso romance mais comuns para tomar cuidado:

  • Atividade íntima e golpes envolvendo fotos

Aqui, um golpista vai conquistar a confiança da sua vítima, convencendo-a a enviar fotos ou mensagens íntimas. O vigarista também pode gravar videochamadas íntimas com suas vítimas. Isto é feito com a intenção de extorquir dinheiro da vítima, ameaçando vazar o material sensível, a menos que ele seja pago.

  • Golpe do pedido de ajuda 

Neste cenário, um impostor finge ser uma pessoa legítima em busca de amor. Uma vez conquistada a confiança de seu alvo, eles simularão uma emergência, procedimento médico ou despesas de viagem. O Impostor do Tinder é um excelente exemplo deste tipo de esquema.

  • O golpe do romance militar 

O golpista se faz passar por um militar vivendo no exterior. Uma vez mais próximos, eles os convencerão as vítimas a transferir dinheiro para despesas de viagem, alimentação ou moradia. Em 2017, Olayinka Illumsa Sunmola recebeu uma sentença de 27 anos por criar perfis de namoro falsos que visavam principalmente viúvas, mulheres divorciadas e com mais de 50 anos. Em seu esquema, ele usou o nome e a imagem de um coronel do Exército dos Estados Unidos lotado no exterior para criar perfis em aplicativos de relacionamento.

  • Golpes envolvendo malwares 

Este golpe envolve o envio de links aparentemente inofensivos por criminosos às suas vítimas, ou a inclusão de um link na bio do seu perfil. Após clicar no link, o dispositivo da vítima fará automaticamente o download de software malicioso que pode levar ao roubo dos seus dados.

  • Golpes envolvendo sites de relacionamento falsos

Alguns golpistas criam um site ou aplicativo de relacionamento totalmente falso que imita uma plataforma genuína. Isto é feito para enganar suas vítimas, levando-as a inserir informações pessoais ou financeiras.

Os quatro principais equívocos envolvendo golpes de namoro online

Equívoco #1: Aplicativos de relacionamento são fraudes

Não, os aplicativos de relacionamento populares não são golpes, embora existam usuários que são impostores. Os golpistas de namoro online utilizam os aplicativos para encontrar e se comunicar com suas vítimas. Os criminosos também podem criar sites de relacionamento falsos que imitam os genuínos. Em 2021, a empresa de cibersegurança Trend Micro detectou mais de 15 milhões de sites de namoro falsos.

Certifique-se sempre de baixar os aplicativos diretamente da Apple App Store ou da Google Play Store para garantir sua legitimidade. Siga este guia (em inglês) para determinar se um site é legítimo. 

Equívoco #2: As mulheres são mais propensas a cair em fraudes

Enquanto a maioria das vítimas de esquemas de falso romance apresentados na mídia, como em O Impostor do Tinder, são mulheres, uma pesquisa descobriu que os homens têm duas vezes mais chances de cair em fraudes românticas do que as mulheres. Em um estudo recente da Tessian Cloud Email Security, 11% dos homens relataram cair em golpes de namoro online, em comparação com 5% das mulheres.

Equívoco #3: Você vai recuperar o seu dinheiro

Depois de serem vítimas do Impostor do Tinder, três de suas vítimas, Cecilie, Pernilla e Ayleen, criaram uma página GoFundMe para tentar recuperar o dinheiro que perderam para o vigarista. As mulheres arrecadaram apenas US$ 217.000, elas perderam mais de US$700.000.

Infelizmente, nem todas as vítimas conseguem recuperar seu dinheiro.

Enquanto o golpe do romance é considerado um crime grave nos Estados Unidos — como fraude bancária ou qualquer tipo de esquema de namoro online podendo levar de 20 a 30 anos de prisão — a FTC (Federal Trade Commission) disse que é quase impossível identificar e rastrear um golpista se o dinheiro foi transferido para eles através de empresas como a Western Union e a MoneyGram.

Além disso, os impostores frequentemente usam nomes e localizações falsas, tornando ainda mais difícil encontrá-los. Em muitos casos, as vítimas também hesitam em denunciar o esquema por receio de constrangimento ou vergonha, o que pode complicar ainda mais o processo de recuperação de suas perdas.

Dependendo do tipo, duração e complexidade do golpe (como visto no caso de O Impostor do Tinder), também pode ser difícil tomar medidas legais contra um golpista do romance.

Embora Simon tenha sido condenado a 15 meses de prisão, ele foi libertado após cinco meses. Simon continua em liberdade, pois seus crimes são muito vastos e complexos para uma acusação formal, de acordo com o podcast The Making of A Swindler.

Equívoco #4: Golpistas trabalham sozinhos

Embora alguns golpistas possam trabalhar sozinhos, relatórios têm mostrado que os impostores do romance frequentemente trabalham em grupos, como parte de organizações criminosas. Em uma exposição recente, o Channel News Asia investigou como organizações criminosas do romance na Ásia expandiram seu escopo para atingir vítimas nos Estados Unidos e na Europa.

O estudo revelou como os golpistas são treinados para construir relacionamentos com suas vítimas e usar táticas sutis para persuadi-las a depositar dinheiro.

O que fazer se você cair em um golpe

Se você suspeitar que caiu em um golpe do romance, siga estes passos:

  1. Faça capturas de tela de conversas em que o golpista tenha especificamente solicitado dinheiro. Ao fazer denúncias, talvez seja necessário fornecer provas de que você transferiu dinheiro ou discutiu a realização de transações monetárias.
  2. Denuncie e bloqueie o impostor.
  3. Entre imediatamente em contato com seu banco para solicitar um estorno se você tiver pago algum valor ao golpista através de uma transferência de crédito, débito, transferência bancária ou criptomoeda.
  4. Comunique o golpe à polícia e às autoridades competentes do local

Devido à natureza emocional do crime, muitas vítimas de golpes do falso romance costumam sofrer traumas psicológicos e distúrbios de estresse pós-traumático. Se você vive no Brasil e foi vítima de uma fraude do romance, a iniciativa “Era Golpe, Não Era Amor” oferece apoio psicológico e judicial. Em Portugal, entre em contato com as autoridades locais para saber sobre seus programas de apoio a vítimas de cyberscams.

Proteja sua privacidade e segurança online

30 dias de garantia de reembolso

Dê o primeiro passo para se proteger online. Experimente a ExpressVPN sem compromisso.
O que é uma VPN?
Autor do Blog da ExpressVPN em Português